Por Rafaela Cury Silveira

A ideia da coluna é trazer indicações literárias feitas pelos professores da Faculdade de Direito do Mackenzie. Os livros abordados serão aqueles que os docentes consideram essenciais para a formação profissional e também pessoal dos estudantes, ou seja, podem ser tanto obras jurídicas como não-jurídicas.

Nessa edição, entrevistamos o professor André Boiani e Azevedo, que leciona Direito Penal e Direito Processual Penal.

Um livro importante para sua formação profissional?

O Professor indicou dois livros:

“Os Princípios Constitucionais Penais”, de Luiz Luisi, e “Princípios básicos de Direito Penal”, de Francisco de Assis Toledo

Formado em 1996, o Professor conta que as duas obras foram essenciais durante a graduação, pois ampliaram seus conceitos de como estudar o Direito Penal, sua finalidade e aplicação, em especial diante da recente vigência da Constituição Federal de 1988. Além disso, os livros também ajudaram a moldar seu perfil como advogado e como professor, pois “abriram as portas para estudos mais profundos e me mostraram a importância de avaliar o Direito de forma mais ampla, evitando o mero estudo de regras jurídicas”.

As duas obras estão disponíveis para empréstimo na biblioteca do Prédio 45, 2º subsolo.

Um livro importante para sua vida?

“Uma vida com propósitos”, de Rick Warren

Com 32 milhões de cópias vendidas, a obra, que é um verdadeiro best-seller mundial, traz uma profunda discussão acerca de um dos questionamentos filosóficos mais inerentes à existência humana: o sentido da vida. Dividido em quarenta capítulos curtos, o livro deve ser lido em quarenta dias, ou seja, um capítulo por dia, para que o leitor possa considerar o impacto de cada um deles em sua vida. Para o Professor, a obra “não teme evidenciar que Deus tem um plano para cada um de nós, fazendo-o mediante a citação de muitas passagens bíblicas e aplicações práticas para cada momento de nossas vidas”.

WhatsApp Image 2020-07-07 at 20.01.49 (1)

O que está lendo hoje?

“Como as democracias morrem”, de Steven Levitsky e Daniel Ziblatt

Outro sucesso de público, a obra mostra como atualmente o colapso das democracias não ocorre por uma ruptura violenta, nos moldes de uma revolução ou de um golpe militar, mas por meio de uma escalada lenta e silenciosa do autoritarismo, com o enfraquecimento de instituições como o judiciário e a imprensa e a erosão gradual de normas políticas fundamentais. Para o Professor, o livro é muito interessante e, de certa forma, perturbador, pois “mostra como candidatos com discursos autoritários e populistas podem chegar ao poder mesmo em democracias tradicionais, como a americana”. O livro faz uma comparação entre a eleição do atual presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, com exemplos históricos de rompimento da democracia nos últimos cem anos, da ascensão de Hitler e Mussolini ao poder na década de 30, passando pelas ditaduras militares da América Latina e chegando na atual onda populista de extrema-direita na Europa.

WhatsApp Image 2020-07-07 at 20.01.50


Siga o JP3!

Instagram: @jornalpredio3

Facebook: fb.com/jornalpredio3

Mais notícias e informações:  

Jornal Prédio 3 – JP3, é o periódico on-line dos alunos e antigos alunos da Faculdade de Direito da Universidade Presbiteriana Mackenzie, organizado pelo Centro Acadêmico João Mendes Júnior e a Associação dos Antigos Alunos da Faculdade de Direito do Mackenzie (Alumni Direito Mackenzie). Participe e escreva!