Pesquisa Científica: o que é isso?

Por Luana Carvalho

Ao entrar na faculdade somos apresentados a um novo sistema para conclusão do curso, diferente daquele ao qual ficamos acostumados no Ensino Médio; você começa a escutar sobre horas de pesquisa, estágio, extensão e ensino, e é tudo explicado de forma superficial. O texto de hoje busca auxiliar em um desses requisitos. Como o nome já diz, será uma pesquisa, mas porque científica? Eu estou fazendo Direito, onde está a ciência nisso? Bom, fazer ciência é produzir conhecimento, é utilizar de fatos, técnicas e fundamentos para produzir uma nova interpretação, método, processo etc. 

A Pesquisa Científica não é nenhum TCC, é mais como um Artigo Científico, no qual você terá que escolher um tema e escrever uma breve pesquisa que, mesmo sendo breve, não deixa de ser complexa, exigente e importante. O principal ponto é o tema: busque algo mais específico, dessa forma não terá algo genérico. Você deve pensar “sobre o que eu quero escrever?”, e refinar essa ideia. Não significa encontrar um assunto inédito, isso você guarda para o doutorado, mas sim fazer inferências. Algo que ajuda bastante é procurar um problema, ou colocar seu tema como uma pergunta “Quais os fatores determinantes de …?”, “Há relação entre…e…?”, “Quais as características de…?”. Sempre pense qual a relevância social/científica do seu trabalho, a faculdade encoraja a escrita científica pela importância, por ser uma forma de globalizar conhecimento, e tornar problemas em soluções. A comunicação científica tem caráter cumulativo, que permite a constante atualização do Direito. 

Acredito que essa seja a maior dificuldade em iniciar uma pesquisa científica, mas as outras partes do processo são igualmente importantes. O texto científico deve possuir um tema explícito/determinado, fundamentação e uma linguagem clara e precisa, com contexto sócio/político adequado. A escrita deve seguir as regras da linguagem científica, muito bem colocadas no Guia para Trabalhos Acadêmicos fornecido pelo Mackenzie no TIA. 

Espero que este texto tenha sido esclarecedor. Preste atenção nas datas para inscrição de POP e PIBIC/PIVIC, e lembre-se que os Grupos de Pesquisa são sempre uma alternativa muito agregadora também.

Publicado por Luana Carvalho


Siga o JP3!

Instagram: @jornalpredio3

Facebook: fb.com/jornalpredio3


Mais notícias e mais informações:


Jornal Prédio 3 – JP3 é o periódico on-line dos alunos e dos antigos alunos da Faculdade de Direito da Universidade Presbiteriana Mackenzie, organizado pelo Centro Acadêmico João Mendes Júnior e pela Associação dos Antigos Alunos da Faculdade de Direito da Universidade Mackenzie (Alumni Direito Mackenzie). Participe!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s